Dança do Ventre Enviar por E-mail

IMG 3001

Prof. Marta Aguilar

Crê-se que a Dança Oriental surgiu no Neolítico, sob a  forma de rituais e celebrações da vida e do sagrado feminino. Difundida e enriquecida ao longo dos séculos e, mais recentemente, aperfeiçoada e estilizada até se tornar no que designamos de Dança do Ventre, continua em constante evolução e multiplicação de estilos e caminhos.

Respiração, flexibilidade, exploração e tomada de consciência do corpo pela sensação e pelo improviso, isolamento, coordenação e harmonia de movimentos são características desta expressão feminina pela dança. Na vertente coreográfica explora quer a história d(est)a dança, dos deuses, dos elementos da natureza, quer o imaginar e o sentir ideossincrático integrados e unidos no conceito de grupo, coeso e cooperante.

Apesar de ser uma dança tecnicamente exigente é adequada para mulheres de todas as idades.